Calçadistas fecham negócios para as festas juninas, Dia das Mães e Dia dos Namorados na 40 Graus

40 Graus – Feira de Calçados e Acessórios garante negócios para movimentar a  produção no segundo trimestre de 2015 

Com foco no varejo calçadista das regiões Norte e Nordeste do país, a 40 Graus – Feira de Calçados e Acessórios, que encerra nesta quarta-feira(11), no Centro de Convenções de  Natal, no Rio Grande do Norte,  consolida negócios importantes para o setor. O empresário Frederico Pletsch, diretor da Merkator Feiras e Eventos, promotor da feira, afirma que a satisfação nos corredores do pavilhão é grande e que o objetivo da mostra foi totalmente alcançado. “Estamos felizes porque o lojista está saindo daqui com compras para as principais festas de suas regiões e o calçadista garante uma produção que vai movimentar o seu parque fabril”, diz ele.

O calçadista Rogério Müller, diretor da Divalori, Três Coroas(RS)  indica que a terceira edição da feira está sendo um sucesso devido ao crescimento no número de lojistas que superou as expectativas dos expositores.  “Estamos com incremento em cerca de 15% em pedidos em relação ao ano passado. Isto pelo número de lojistas que  estamos registrando com profissionais do varejo de diversas cidades das regiões norte e nordeste”, analisa Müller. “Estamos cumprindo a nossa missão de unir as duas pontas da cadeia”, diz Frederico Pletsch.

Já o diretor comercial da Calçados Itapuã, do Cachoeiro do Itapemirim(ES), Carlos Paganini, observa que nestes três anos a 40 Graus cresceu e está se tornando indispensável para o varejo da região. “Vejo a feira se fortalecendo no calendário de eventos. A estrutura propicia um diferencial com muito conforto para o lojista realizar as suas compras”, diz ele. A feira está garantindo produção nas fábricas para abastecer o varejo para as festas juninas, Dia das Mães e Dia dos Namorados, eventos tradicionais nestas regiões do país. Também a gestora Nalva Kirsch, da Estylosa, de Juazeiro do Norte(CE),  se manifesta favorável a realização da 40 Graus e afirma sua importância para o lojista da região, especialmente para o produtor local. “Nós desenvolvemos 70% da nossa produção para a consumidora do Norte e Nordeste e nem sempre conseguimos reunir o varejo e apresentar uma coleção completa. Aqui estamos tendo esta oportunidade”, diz ela. A empresa é uma das maiores da região que hoje responde por 36% da produção nacional de calçados. A Estylosa produz 14 mil pares de calçados dia.