Empresas de Três Coroas terão a oportunidade de participar da 40 Graus

Empresas de pequeno e médio porte de Três Coroas/RS terão a oportunidade de abrir novos mercados no extremo oposto do Brasil. Através do projeto Três Coroas Making Shoes elas viajarão para Natal/RN participar da 40 Graus - Feira de Calçados e Acessórios nos dias 7,8 e 9 de março. A iniciativa é coordenada pelo Sindicato da Indústria de Calçados de Três Coroas e conta com as parcerias da Merkator Feiras e Eventos, promotora da feira, que conseguiu valores diferenciados para as indústrias e a Prefeitura Municipal de Três Coroas, que está subsidiando os custos.

A feira atende um dos mercados consumidores mais aquecidos do Brasil. As vendas do varejo das regiões Norte e Nordeste têm crescido acima da média nacional, é a 40 Graus é a oportunidade para que essas indústrias abram os primeiros clientes. “A ideia é levar o máximo de expositores possível e apresentar o mercado do Norte e Nordeste. Sempre o expositor retorna encantado de  Natal, pois vislumbra novas possibilidades de negócios que podem auxiliar no crescimento e expansão de sua empresa”, afirma o diretor da Merkator Feiras e Eventos, promotora da feira, Frederico Pletsch.

As empresas que participarão do Estande Coletivo Três Coroas Making Shoes são Bellíssima, Rio Couture e Vanittà, que fabricam calçados femininos, a Monferraro, fabricante de bolsas e acessórios, e a Rubra, que produz modelos masculinos. Parte delas já comercializa produtos para as regiões Norte e Nordeste, mas a maioria ainda não teve contato com esses mercados. Todas elas já têm experiência em participar de eventos empresariais, já que participaram de edições das feiras realizadas pela Merkator, o SICC – Salão Internacional do Couro e do Calçado, e a Zero Grau – Feira de Calçados e Acessórios em projetos semelhantes.

Para o presidente do sindicato, Werner Muller Junior, as feiras abrem um caminho de crescimento contínuo para as empresas de Três Coroas. “O desejo é promover justamente o aumento da carteira de clientes destas empresas e possibilitar um crescimento sustentável baseado na aquisição de novos clientes em mercados que mostram a possibilidade de crescimento contínuo”, ressalta o presidente.